Cabo eleitoral de Valtécio questiona nomeação de agentes de outras cidades.

Tatá foi uns principais cabos eleitorais de Valtécio nas eleições 2020. 

Um dos cabos eleitorais mais atuantes da campanha do prefeito Valtécio Aguiar nas redes sociais em 2020, o Caetiteense Tatá Carvalho vem questionando a contratação de agentes de outras cidades para assumir cargos na prefeitura de Caetité.

Tatá que fez campanha ativa para o prefeito procurou a reportagem do Radar 030 e solicitou que o desabafo fosse publicado. Segundo Tatá, o prefeito  Valtécio prometeu empregos em sua campanha,  angariou apoio com essa tática e que agora vem fugindo do povo e contratando mão de obra de fora para ocupar o lugar de pessoas capacidades da cidade.

Tatá informou a nossa redação que já foi perseguido por outro grupo político, no qual estava no poder e  que resolveu procurar outra linha, vindo  a apoiar Valtécio. Tatá também diz que pessoas capacitadas estão sendo impedidas de trabalhar em Caetité, e nem o próprio grupo político de Valtécio esta tendo voz. Pessoas capacitadas como Tatá  e que  prestaram um bom  serviço no poder público, criado laços com a população, não estão sendo ouvidos no processo. 

"Estão transformando Caetité em terra de forasteiro, o povo precisa ficar atento e cobrar do prefeito um seleção que priorize a mão de obra local. Temos pessoas qualificadas na cidade e ele não está vendo isso." Falou Tatá.

"Sai de um grupo político por essas mazelas, mas estou vendo que todos são iguais e promovem apenas o gosto de alguns. ~Já não temos empregos e as poucas vagas da cidade estão sendo preenchidas com pessoas de fora. Lamentável!" Desabafo Tatá a reportagem do Radar. 

O Radar 030 se põe a disposição da administração para comentar o assunto.